quinta-feira, 23 de abril de 2009

Jeitinho RECOMEÇO - a história de HARRY POTTER



Prezados amigos, apesar de estarmos com diversos animais para adoção, não pudemos deixar de dar nosso jeitinho e atender ao pedido de socorro da nossa amiga Elaine Cristina. Seu gato HARRY POTTER, que costumava transitar pela vila onde ela mora, resolveu se aventurar para mais longe: subiu num telhado alto, lá encontrou outro gato, brigaram feio e, no calor da briga, despencaram os dois.

HARRY POTTER foi trazido para nós e encaminhado ao Dr. Rubinho, só para variar...

Resumo: ele foi operado de emergência, pois apresentava ruptura da parede abdominal, ruptura do diafragma pela costela, seu baço teve que ser retirado, seu pulmão tinha vários hematomas. A perna traseira esquerda também foi suturada.




HARRY POTTER está no gaiolão, se recuperando, tomando medicamentos e aguardando o dia da retirada dos pontos. As fotos mostram o estado da intrépida criatura.




Esta mensagem é para agradecer, mais uma vez, ao Dr. Rubinho e sua equipe o pronto atendimento ao HARRY POTTER.
E deixar um alerta para as pessoas que repetem, sem saber o que dizem,frases do tipo "gato não cai" ou "gato cai sempre em pé".HARRY POTTER caiu, e não caiu em pé. Certamente estaria morto, se não tivesse passado por cirurgia em mãos competentes.


O muito obrigada do Grupo RECOMEÇO - cães & gatos de resgate - ao Dr.Rubinho e equipe.

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Estou postando para agradecer a uma pessoa muito especial. Silvia(grupo recomeço) é uma pessoa que nasceu para fazer o bem e gráças a ela várias vidinhas foram salvas, inclusive o do meu Harry. Com ela eu aprendi que não dá pra ver um animal solitário, sem família, sem amor e simplismente fingir que nada esta acontecendo. Aprendi a tentar fazer a diferença.
    Também aprendi uma lição com o que aconteceu com o meu gatinho, essa história de que gato cai e não se machuca, só cai em pé, é uma lenda. Moro em uma rua onde não passa carros e o meu Harry só ia na casa ao lado, até que aconteceu uma grande tragédia em nossas vidas. Olhei pra o meu gatinho e o vi sofrendo, com dor, quase partindo. Me desesperei, senti uma culpa que ainda me dói sempre que olho para a cirurgia dele, então pedi ajuda ao grupo recomeço(Silvia), que não pensou duas vezes e nos ajudou. Acabou que era mais sério do que pensávamos e gráças ao anjo "Rubinho" ele está bem. Não acredito que outras mãos salvassem o meu gatinho. Santas mão a dessa criatura que faz tudo com muito amor, desejo do fundo do meu coração que ele tenha muitos anos de vida e saúde. Então vai um conselho para pessoas que tem animais, fassam o impossível para que seus amigos não saiam de seus lares, pois eles podem sair e nunca mais voltar. Meus agradecimentos ao Grupo RECOMEÇO, ao Rubinho e em especial a querida amiga Silvia!

    Elaine Cristina, Mãe do Harry Potter!

    ResponderExcluir